Você está aqui: NOTÍCIAS SINCOMERCIO RP

Tem conhecimento a que se destina esta Entidade

Sim
37.1%
Não
62.9%

VOLTAR

Tem conhecimento a que se destina esta Entidade

Não
Sim

   
Comércio parcialmente liberado em Rio Preto
16/04/2020 00:00

O decreto, que será publicado nesta quinta-feira (16), permite o funcionamento de:

 

- Óticas 
- Bancas de jornais
- Escritórios de advocacia, contabilidade e imobiliárias 
- Lojas de materiais de construção
- Lavanderias 
- Barbearias e cabeleireiros 
- Todos os comércios de alimentos (bares, lanchonetes, restaurantes), sendo restrito consumo nos locais
- Hotéis
- Estacionamentos 
- Produtos agropecuários
- Consultórios odontológicos
- Assistência técnica de produtos eletroeletrônicos
- Comércio de autopeças

- Lojas de produtos ortopédicos e similares

Ainda de acordo com o decreto, está mantida a suspensão de eventos e o atendimento presencial ao público nos comércios e serviços do município, entre eles casas noturnas, shopping centers, galerias, estabelecimentos congêneres, academias, centros de ginástica, o comércio ambulante, clinicas de estética, clubes, associações recreativas e similares.

Os demais estabelecimentos comerciais e serviços que optarem exclusivamente pelo sistema de entrega em domicílio, drive-thru ou atendimento domiciliar (delivery), poderão permanecer em atividade.

Já os estabelecimentos que permanecerão abertos, precisam respeitar as seguintes observações:

– disponibilizar na entrada do estabelecimento e em outros lugares estratégicos de fácil acesso, álcool em gel 70% para utilização de funcionários e clientes;

– higienizar, quando do início das atividades e após cada uso, durante o período de funcionamento, as superfícies de toque;

– higienizar, quando do início das atividades e durante o período de funcionamento, com intervalo máximo de 3 (três) horas, os pisos e banheiros, preferencialmente com água sanitária;

– manter locais de circulação e áreas comuns com os sistemas de ar condicionados limpos e, obrigatoriamente, manter pelo menos uma janela externa aberta ou qualquer outra abertura, contribuindo para a renovação do ar;

– manter disponível kit completo de higiene de mãos nos sanitários de clientes e funcionários, utilizando sabonete líquido, álcool em gel 70% e toalhas de papel não reciclado;

– fazer a utilização, se necessário, do uso de senhas ou outro sistema eficaz, a fim de evitar a aglomeração de pessoas dentro do estabelecimento aguardando atendimento;

– garantir aos funcionários o uso de máscaras, de pano ou descartáveis, devendo a troca ser realizada a cada período de trabalho ou sempre que tornar-se úmida ou apresentar sujidades;

– assegurar que os clientes somente adentrem o estabelecimento com o uso de máscara.

 

Fonte
DL News